4 formas de ensinar sem diminuir a autoestima dos pequenos

Como pais, às vezes alguns assuntos super importantes acabam se tornando um campo minado. Quando a gente para e pensa surge aquela dúvida cruel: “Será que estou fazendo certo?”. Ensinar sem diminuir a autoestima da criançada é um desses assuntos tão difíceis de se abordar pelo simples fato de que, muitas vezes, parece que estamos só repetindo sempre o mesmo conselho e nos faltam caminhos. Bom, para te ajudar, separamos 4 dicas incríveis e super simples para tratar do assunto no dia a dia:

 

Esqueça comparações

Valorizar o que o seu pequeno tem de único é essencial. Ele precisa compreender que é um ser humano e que, como qualquer outro, algumas vezes irá errar, mas que isso não o faz uma criança ruim ou (e principalmente) não o torna uma criança pior do que outra. Muitas vezes no calor do momento saem comentário ruins de nós e como pais é nossa função tomar o maior cuidado possível com isto. Não comparar seu filho a outra criança é importante. Perguntas como “Por que você não é igual ao seu irmão” direciona o ponto de vista a fazer o seu pequeno não pensar em se tornar ele próprio uma pessoa melhor, mas sim ser igual a outra pessoa.

 

Menosprezar sua capacidade

Não deixar transparecer que você tem dúvida da capacidade do seu pequeno em fazer algo pode deixar ele inseguro. Especialmente quando aquela ação era feita todo dia, como levar seu pratinho para a pia, escovar os dentes ou mesmo amarrar o cadarço. Não dar margem para a dúvida vai de encontro a lições que vão favorecer o aprendizado ao invés de criar inseguranças.

 

Valorizar as pequenas conquistas

“Mãe, olha!” Quantas vezes ouvimos esta frase por dia? Muitas, né? E eu vou te dizer, eu amo ouvir isto. Significa que o meu pequeno está querendo me mostrar algo que ele fez, algo que ele se sente orgulhoso por ter feito. É claro que nem sempre é algo bom, como colar um desenho na parede ou usar a cortina como capa, mas na medida do possível (e da segurança) é preciso valorizar os pequenos passos, as pequenas conquistas que acontecem todos os dias. Aprendizagem é uma escada, cada degrau conta e não tem como chegar ao topo sem ter passado por todos os degraus. Por isso, eu amo degraus e abro um sorrisão toda vez.

 

Dar o exemplo

Você é o grande exemplo do seu filho e da sua filha. Dar o bom exemplo é fundamental, né?

 

Deixar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *