A Grande Descoberta da Maternidade {Ser Mãe}

Olha que bacana! A Priscila Casimiro do blog Mãe Sem Frescura quis compartilhar conosco suas percepções sobre os desafios e alegrias de ser mãe.

IMG_8606

 *

Chega um momento de nossas vidas que resolvemos que é a hora de “ser mãe”, embora muitas dúvidas ainda martelem em nossas cabeças. Algumas mulheres são super decididas, embora outras prefiram adiar para pensar melhor como lidar com essa nova fase. Diferente do passado, as mulheres almejaram e conseguiram espaço no mercado de trabalho, e por esse motivo, a ideia de ter filhos foi adiada e muitas vezes esquecida.

Construir uma família não é algo fácil, pois é preciso muita dedicação, amor e paciência. Os divórcios estão cada vez mais frequentes por falta de diálogo, no casamento é preciso saber falar e ouvir, abrir mão e também colocar suas opiniões. Assim, a união do casal se torna algo sólido, verdadeiro e preparado para receber um bebê, se transformando em uma família.

“Ser Mãe” é uma decisão que deve ser muito bem pensada, porque a vida vira de ponta cabeça e você precisa estar preparada para essa avalanche. Reviravolta essa que pode ser encarada numa boa ou ser cheia de obstáculos e só você – mãe – é a grande responsável por tudo isso, ou seja, pode ver a vida materna muito colorida ou como um filme preto e branco. O que você prefere? Está pronta para dar cor a tudo isso?

Claro que o companheiro é o grande aliado nessa nova fase e também responsável por tornar tudo mais leve e feliz, oferecendo todo apoio necessário. Não tenha vergonha de admitir as suas falhas e medos, o diálogo é sempre o melhor caminho. Se sentiu alguma dificuldade na decisão de “ser mãe” ou no pós-parto, fale, exponha os seus sentimentos e busque a felicidade.

maesemfrescura

Eu sempre quis casar e construir a minha família, mas confesso que na hora “H” fiquei com medo do desconhecido, do futuro e de como seria a minha vida dali para frente.

Conversei com o meu marido e finalmente decidimos que estávamos prontos para esse desafio. Desafio?! Sim, porque não é fácil ser mãe e só quem é sabe o que passamos em nosso dia a dia. Precisamos ser malabaristas para dar conta de tudo, são muitos detalhes, angústias, medos, birras, choros e também muitos momentos de amor. “Ser Mãe” nada mais é do que um ato de amor, ou seja, mesmo que seu filho seja do tamanho de um grão de arroz o amará de forma tão intensa que só terá olhos para ele.

A maternidade é uma grande descoberta, como é bom descobrir o novo, amar e ser amado, descobrir tudo isso juntinho com o seu bebê, receber aquele beijo e abraço bem apertado, falar e ouvir “EU TE AMO”. Nossa, é um amor sem explicação, é um amor que compensa qualquer obstáculo e medo, é um amor que nos faz crescer e pensar num futuro melhor.

Que mãe não tem vontade de apertar as bochechas, encher de cócegas, dar muito beijo e dormir abraçadinho. É bom demais! Cada descoberta do seu filho é comemorada como uma conquista sua, por isso, colorir a maternidade é tão importante para o sucesso da família.

Priscila Casimiro
Mãe Sem Frescura
www.maesemfrescura.net

*

Obrigada por dividir conosco sua experiência, Priscila!

8 comentários
  1. Janis disse:

    Adorei o relato da Priscila! realmente para algumas mulheres encarar essa empreitada é um pouco mais difícil, para mim sempre foi fácil, pois desde pequena queria ser mãe! Estou agora no meio da minha terceira gestação e mais uma vez estou amando cada fase, cada chute, cada descoberta, cada saída para compras do enxoval e planejamento para o parto! Claro que nem tudo são flores, e tem aquele desconforto que a maioria sente e eu me incluo nessa hahah e ainda estou com cálculo renal – prá-ca-bá- mas não deixaria de viver essa experiência por nada! E daq

  2. Janis disse:

    Adorei o relato da Priscila! realmente para algumas mulheres encarar essa empreitada é um pouco mais difícil, para mim sempre foi fácil, pois desde pequena queria ser mãe! Estou agora no meio da minha terceira gestação e mais uma vez estou amando cada fase, cada chute, cada descoberta, cada saída para compras do enxoval e planejamento para o parto! Claro que nem tudo são flores, e tem aquele desconforto que a maioria sente e eu me incluo nessa hahah e ainda estou com cálculo renal – prá-ca-bá- mas não deixaria de viver essa experiência por nada! E daqui a uns anos vem o #quarto hahaha

    Amei as fotos!!! Ficou radiante!
    Beijos

  3. Pri adorei o texto, realmente é um grande desafio, e temos a melhor recompensa né, o abraço, sorriso e o “Eu te amo” …
    Aqui a gravidez não foi planejada, aconteceu me casei e após 1 mês engravidei, foi um misto de felicidade e medo, pois ainda nem tinha acostumado com a nova vida a dois e logo seriamos 3, mais não me arrependo nem um segundo dessa “pressa”, sempre quis ser mãe !!!

    Beijos Mi Gobbato
    http://espacodasmamaes.blogspot.com.br

  4. Mari Visconti disse:

    Lindo texto Pri.A maternidade é mesmo um desafio. Adorei. Parabéns também à Elian, como mãe de menino adoro a marca.

    Bjos
    Mari Visconti
    http://www.clubedafraldinha.com

  5. Lilia Faria disse:

    Priscila, parabéns pela história!! Ser mãe é algo simplesmente encantador. Gerar um vida é uma dádiva
    BEijos

  6. Nanda disse:

    Parabéns Pri também sempre
    quis casar e ter filhos
    acho que é um passo importante
    na vida de alguém
    casar e ter filhos
    construir uma família
    bjs

  7. Juliana disse:

    Adorei seu post, Pri.
    A maternidade é cheia de descobertas, novos desafios, tudo muda, tudo transforma, mas para algo bom, renovador… A vida é maravilhosa, e com filhos ela fica melhor ainda, da cor e sabor na vida…
    Adorei…
    Bjs
    Ju
    http://www.maesemfronteiras.com.br/

  8. Cristiane disse:

    Que texto e fotos lindas… e como a maternidade nos vira do avesso e nos traz diariamente novas descobertas…
    Amei! bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *