Faça você mesmo

Vamos brincar de peteca?

peteca tradicional

Quem não se lembra da boa e velha peteca? Há algumas gerações, ela era um dos brinquedos que mais animava a criançada. Jogar peteca, além de divertido, é uma atividade que desenvolve a parte motora, a agilidade e o condicionamento físico de crianças de todas as idades!

É possível fabricar a sua própria peteca com palha de milho. Primeiro, colha a palha e deixe-a secar. Quando ela estiver bem seca, ou caso já compre-a nesse estado, você já pode começar: umedeça a palha (isso deixará ela mais fácil de trabalhar). Faça um sinal de “mais” (adição) com 4 palhas na horizontal e 4 na vertical.

A maior dica vem agora: coloque um pouco de arroz, feijão ou grãos de milho (pipoca) em uma caixa de fósforo ou um saquinho mais ou menos do mesmo tamanho de uma caixa de fósforo. Posicione no centro do sinal de “mais” e feche as quatro pontas formando uma pequena trouxa. Depois amarre com barbante e enfeite colocando penas bem coloridas no centro!

Encontramos também uma versão de peteca feita com sacola plástica no lugar da palha, com preenchimento de papel de jornal. Confira:

Deixar um comentário

Jogo da Memória da Elian

O jogo da memória, além de ser muito divertido, contribui positivamente para o desenvolvimento das crianças. Ao jogá-lo, estimulamos o cérebro a guardar informações, o que é a base de todo saber. Sem contar que o jogo incentiva a brincar em mais pessoas, o que é muito legal para a socialização!

Com tantos benefícios, desenvolvemos o Jogo da Memória da Elian com animais muito fofos para as crianças e toda família se divertirem muito e curtirem os melhores momentos juntos. Para jogá-lo, basta imprimir as imagens abaixo de acordo com as orientações, recortar as cartas e embaralhar as peças!2014_jogo_da_memoria_blog_alto_verao_03 2014_jogo_da_memoria_blog_alto_verao_02 2014_jogo_da_memoria_blog_alto_verao_01

E para quem não brinca faz tempo, as regras são simples: um de cada vez, os jogadores viram uma peça, em seguida viram outra. Se elas formarem pares, o participante poderá recolhê-las e fazer uma nova jogada. Se não formarem, viram-se as peças novamente e é a vez do próximo jogador fazer uma tentativa. Ao final, vence quem tiver conseguido o maior número de pares!

Deixar um comentário

Reaproveitando caixas de papelão

O descarte adequado do lixo e preservação do meio ambiente são temas recorrentes na escola, que podem também ser trabalhados em casa. Já que a educação é feita não só de palavras, mas também de exemplos, nada como cultivar em casa hábitos que mostrem à criança como atitudes simples podem fazer diferença para a natureza, são estas: manter a torneira fechada enquanto escovamos os dentes, separar o lixo reciclável do orgânico, desligar as luzes quando o ambiente não estiver sendo usado e trocar uma quantidade exorbitante de brinquedos por outros mais simples, reaproveitando materiais e objetos de casa. Vamos tentar?

Com base nos exemplos citados, hoje trouxemos inspirações de brincadeiras que podem ser feitas a partir de caixas de papelão. Isso mesmo! As embalagens que envolvem muitos produtos que os pais compram nas lojas e mercados podem se tornar brinquedos muito divertidos e diferentes. Veja os exemplos:

  1. Cidade fria: com papelão, tesoura e tintas coloridas, a ideia é criar uma cidade, seus habitantes e animaizinhos, incentivando a criança a explorar sua criatividade: ela pode dar um nome à cidade, criar leis para ela e aproveitar ainda outros materiais para deixar a brincadeira mais legal. Nesta imagem, vemos que fios de lã viraram cachecóis e rédeas.1
  2. Teatro de fantoches: aqui, foram usados (além do papelão) palitos de churrasco, lápis de cor, tesoura, fita adesiva e um pisca-pisca reaproveitado do Natal. É claro que o último é dispensável, pois não nos parece muito seguro. Mas a ideia é super legal né?!2
  3. Fogão: fácil pra chuchu! A caixa mantém o formato original, e com ajuda de um adulto faz-se uma abertura frontal, para virar o forninho. Os detalhes para deixar o brinquedo mais divertido podem ser feitos com canetinha.3
  4. Carrinho: o brinquedo agrada meninos e meninas, e pode ser personalizado de acordo com o “motorista”. Além da caixa de papelão, foram utilizados pratos, copos e potinhos descartáveis, fitas coloridas e canetinha.4

Gostaram das ideias? Que tal um passo a passo de um dos brinquedos para a próxima semana? Vote no seu preferido!

Deixar um comentário

Vamos brincar de índio!

Em homenagem ao Dia do Índio, que tal montar uma cabaninha em formato de oca com as crianças e fazer um cocar, arco e flechas para cada um que participar da brincadeira?

2

Vamos precisar de:

- Fita colorida;
- Fita adesivas de várias cores;
- Penas, preferencialmente sintéticas;
- Tesoura;
- Barbante;
- Galhos finos com cerca de 30 cm de comprimento;
- Galho flexível com cerca de 60 cm de comprimento e 2 cm de espessura.

Para fazer o cocar, comece cortando a fita colorida com a medida da circunferência da cabeça da criança, unindo em seguida uma ponta a outra com a fita adesiva. Do lado de dentro, cole as penas em sentido vertical, uma ao lado da outra. Para enfeitar, as crianças podem usar as fitas coloridas conforme a preferência.1

Para o arco, pegue o barbante, amarre-o nas duas extremidades do galho mais espesso entortando-o de forma a ficar arqueado. As flechas precisam apenas de que você cole um triângulo em uma das extremidades formando a ponta, e penas na outra extremidade. Para enfeitar os dois objetos, aproveite novamente as fitinhas.3

Divertido né?! É válido lembrar que as crianças podem participar do feitio dos instrumentos, mas é fundamental a participação de um adulto para manuseio da tesoura se for sem ponta, e do galho maior.

Cacique, agora pode começar a dança!

5

Imagens: Decopeques.

Deixar um comentário

Receita para o verão

IMG_3650

Que tal fazer um gelo diferente para a criançada? É saudável, prático e muito refrescante! Você vai precisar de:

7 morangos em pedaços

1/2 limão-siciliano em pedaços

14 folhas de hortelã

1 forma de gelo

Água potável

É só pegar a forma de gelo, distribuir o morango, o limão e as folhas de hortelã, e completar com água. Depois de cada cubo ter virado gelo, é só distribuir pra criançada.

Deixar um comentário