Alimentação saudável: como ensinar seu filho a comer verduras e legumes

Essa é uma cena comum: os pais tentando fazer os filhos comerem alimento mais saudáveis e eles ali resistindo bravamente, só de olho na batata frita.

 

Realmente é uma tarefa complicada. Existem coisas muito mais gostosas por aí, principalmente numa idade em que o paladar não está completamente desenvolvido. Mas como tudo na vida, também tem um jeitinho de ensinar seu filho a curtir um espinafre e uma cenoura nas refeições.

  1. Envolva-os no preparo das refeições

Decida o cardápio junto com seus filhos. Deixe que eles escolham um alimento e você outro. Tendo a vontade respeitada, vai ser mais fácil pra ele respeitar a sua. Sem contar que a diversão do momento com certeza vai ajudar bastante.

 

  1. Diversão no prato

Já experimentou caprichar na apresentação dos pratos? Que tal um rostinho feliz feito de cenoura, batata doce e tomate? Crianças adoram esse tipo de coisa.

 

  1. Varie

Existem vááários tipos de legumes por aí. Experimente todos eles. Assim que você achar um que seu pequeno gosta, fica mais fácil fazer com que ele tome gosto pelos outros. E convenhamos, eles também não são obrigados a gostar de tudo, né?

 

  1. Crie histórias

O espinafre é a comida que deixa o Popeye forte. E você quer ser forte como o Popeye, não quer? Abuse da criatividade na hora de envolver suas crianças.

 

  1. Seja o exemplo

As crianças veem os pais como modelos de vida, querem ser iguais a eles e sempre tentam imitá-los. Aproveite para passar bons exemplos. Sempre que possível, coma junto com elas e dê uma atenção especial aos legumes e verduras. Comente como são gostosos, fazem bem e que eles te deixaram forte e inteligente. Mesmo que não funcione na primeira vez, isso vai instiga-los e diminuir a resistência deles para as próximas refeições.

 

  1. Aconteça o que acontecer, não brigue jamais

Você nunca deve se irritar com seus filhos ou castiga-los porque não comeram as verduras e legumes. Isso vai fazer com que eles associem experiências negativas aos alimentos, algo que pode atrapalhá-los pelo resto da vida.

 

Se eles se recusarem a comer, varie suas táticas, ou espere um ou dois dias pra tentar de novo. Este é um processo que pode levar tempo e a persistência é a chave.

Deixar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *